segunda-feira, 30 de setembro de 2013

“Homem-Aranha” vende cuscuz em Assú

Homem-Aranha deixa de lado a vida de super-herói para vender cuscuz em Assú. Não, você não leu isso errado. Pelas ruas da principal cidade do Vale do Açu não é difícil encontrar pelas ruas o “Homem-Aranha” fazendo as entregas da comida típica do Nordeste. Mas não se trata de Peter Parker. No caso em questão, a identidade não tão secreta do super-herói é Moisés Vieira Nóbrega. 
O empresário de apenas 18 anos decidiu levar a sério uma brincadeira de um amigo em um programa de internet e criou o "Cuscuz do Aranha". A ideia é bastante simples: com um cardápio com mais de 10 recheios de cuscuz, o jovem se veste com a roupa do personagem para fazer as entregas do produto. 
Em pouco tempo, a criatividade do jovem assuense caiu no gosto dos populares e a notícias do homem-Aranha entregando cuscuz no interior do Estado foi destaque em vários noticiários, inclusive no portal nacional G1. 
Moisés Vieira Nóbrega conta que tudo começou com uma diversão. 
"Fiz a roupa para a festa a fantasia na formatura. Na mesma época também comecei a vender cuscuz para amigos do colégio", lembra. Na época, ele fazia um programa na internet e decidiu aliar a fantasia às vendas, surgindo assim o Cuscuz do Aranha. 
No primeiro dia em que postou o vídeo e o cartão de visita sobre o Cuscuz do Aranha na internet, ele já teve a dimensão de que a ideia tinha tudo para dar certo. Foram centenas de curtidas e compartilhamentos. Então, diante do sucesso no âmbito virtual, ele decidiu investir no negócio no mundo real. 
E o reconhecimento veio tão rápido quanto na rede de computadores. Com um mês de negócio, Moisés foi procurado pelo escritório regional do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) para se formalizar. O empresário se formalizou na categoria de Microempreendedor Individual (MEI), cujo faturamento máximo é de R$ 60 mil por ano. "Estou aprendendo e procurando me especializar", reforça o jovem, que está cursando Administração em Mossoró.
Com pouco tempo de formalizado, Moisés Vieira Nóbrega foi Empreendedor de Destaque escolhido pelo Sebrae. Hoje, com seis meses de funcionamento, ele vem conquistando clientes no município.

Cuscuz do Aranha é destaque na cidade de Assú
Atualmente o negócio tem uma base de 30 clientes fixos. O empresário utiliza por mês 150 quilos da massa derivada de milho que serve como base para o cuscuz.
No cardápio, podem ser encontrados recheios como carne moída, frango, calabresa, salsinha ao molho, panelada, carne cozida, mortadela e ovos. "É uma comida típica da mesa nordestina, que todo mundo gosta, barata e de fácil renda", afirma Moisés, que seguiu o ramo de alimentação nos passos do pai, dono de um restaurante há 12 anos. 
Quem prepara tudo é a mãe do jovem. A entrega fica por conta dos homens-aranha, o próprio empresário e um empregado, que no fim de semana ganham a ajuda de dois amigos.

fonte: O Mossoroense

Leia mais...

PMDB tem candidatura própria definida, mas não tem nome para disputa em 2014


Pelas palavras dos líderes do PMDB do Rio Grande do Norte, o partido terá candidato próprio ao Governo do Estado. O problema é que a um ano da eleição falta o nome a ser trabalhado.
Nas entrevistas, o que se diz é que o importante agora não é a discussão em torno de nomes e sim ter um projeto para o Rio Grande do Norte.
O discurso agrada aos ouvidos de quem ouve, mas nos bastidores o quadro é diferente. Há uma preocupação em viabilizar um peemedebista.
Até aqui as três principais lideranças têm recusado colocar o nome à disposição. Considerado a maior liderança do PMDB, o ministro Garibaldi Filho tem feito apelo para que não peçam para ele ser candidato. O herdeiro político dele, o deputado estadual Walter Alves, chegou a dizer que seu nome não estava à disposição. Já Henrique Alves, tem dito que vai tentar a reeleição para ter direito a mais um biênio à frente da Câmara dos Deputados.
Cada um dos três já foi em algum momento lançado por uma liderança do partido. Coube a secretária municipal de Desenvolvimento Econômico, Izabel Montenegro, defender a candidatura de Garibaldi Filho.
Já Henrique teve o nome defendido pelo deputado estadual Nélter Queiroz. "É o sonho do seu pai", argumentou.
Enquanto Walter Alves teve o nome lançado para a disputa em dois momentos: em junho em evento da juventude do PMDB e no começo de setembro através de declarações do deputado estadual Gustavo Fernandes.
O fato é que há uma pressão interna para que um dos três seja o candidato do partido. Outras alternativas, mais remotas, são levantadas como o lançamento do ex-senador Fernando Bezerra (eleito senador pelo partido em 1998) ou o ex-governador e ex-senador Geraldo Melo (eleito governador pela sigla em 1986). Também se cogita a candidatura de um empresário, que surgiria como um nome novo. Na coletiva realizada no final de agosto para anunciar o rompimento com a governadora Rosalba Ciarlini, Henrique disse que o Rio Grande do Norte precisa de um empreendedor, adjetivo que os empresários costumam usar quando falam de si.
O fato é que o PMDB potiguar nunca esteve tão forte. Nas eleições de 2010 chegou a eleger seis deputados estaduais e só não se mantém como a maior bancada da Assembleia Legislativa porque José Dias migrou para o PSD e Poti Júnior foi indicado para o Tribunal de Contas do Estado. Naquela eleição Garibaldi Filho tornou-se o primeiro político do Rio Grande do Norte a ter um milhão de votos ao ser reeleito senador.
Hoje o partido ainda conta com a maior bancada da Assembleia, empatado com o PSB, com quatro parlamentares; tem o senador Garibaldi Alves; o ministro Garibaldi Filho que exerce influência sobre o mandato do suplente Paulo Davim (PV) que o substitui temporariamente; o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves. Em 2012, o PMDB elegeu 52 prefeitos, quase um terço das prefeituras do Estado, e lidera o ranking de vereadores com 336 cadeiras em 167 parlamentos.


fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Proprietários rurais têm até hoje para pagar o ITR

Brasília - O prazo para a entrega da Declaração do Imposto Territorial Rural (ITR) do exercício de 2013 termina hoje (30). Um guia com perguntas e respostas está disponível na página da Receita Federal na internet.
instrução normativa que aprovou o programa de computador destinado ao preenchimento da declaração foi publicada no Diário Oficial da União no dia 16 de agosto. Para instalar o programa, o proprietário rural terá que ter outro aplicativo conhecido como máquina virtual Java (JVM), na versão 1.6.0 ou superior.
São três as versões com instaladores específicos do programa gerador da declaração. As versões são compatíveis com os sistemas operacionais Windows, Linux e Mac OS X.
programa de computador para o preenchimento da declaração poderá ser encontrado na página da Receita na internet. Para transmitir a declaração, é necessário instalar também no computador o programa Receitanet, disponível no site. Após 30 de setembro de 2013, a declaração deve ser apresentada pela internet ou em mídia removível, como pendrive ou disco rígido externo, nas unidades da Receita, durante o horário de expediente.
O imposto devido poderá ser pago por meio de Documento de Arrecadação de Receitas Federais (Darf), em qualquer agência bancária integrante da rede arrecadadora de receitas federais, no caso de pagamento feito no Brasil; Título da Dívida Agrária (TDA) do tipo escritural, ou seja, custodiado em uma instituição financeira, correspondente a até 50% do valor devido; transferência eletrônica de fundos mediante sistemas eletrônicos das instituições financeiras autorizadas pela Receita Federal a operar com essa modalidade de arrecadação.
Devem apresentar a declaração do ITR o proprietário, o titular do domínio útil ou possuidor, a qualquer título, de imóvel rural, exceto o imune ou isento. Também deve apresentar o titular do domínio útil ou possuidor, a qualquer título, de imóvel rural, imune ou isento, para o qual houve alteração nas informações cadastrais correspondentes ao imóvel rural.
A multa para quem perder o prazo é 1% ao mês-calendário ou fração de atraso, calculada sobre o total do imposto devido - não podendo o seu valor ser inferior a R$ 50,00 no caso de imóvel rural sujeito à apuração do imposto, além de multa e juros. No caso de imóvel rural imune ou isento, a não apresentação da declaração no prazo implica multa de R$ 50,00.
fonte: Agência Brasil

Leia mais...

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Governo do Estado anuncia atraso salarial de mais de seis mil servidores públicos

A equipe econômica do Governo do Estado anunciou que atrasará o pagamento dos salários dos servidores públicos que recebem acima de R$ 3 mil. O anúncio foi feito ontem à tarde.
A justificativa para o governo ter chegado a essa situação foram as quedas nos repasses do Fundo de Participação dos Estados (FPE) e os reajustes para os servidores ativos e inativos da Polícia Militar. Outro fator importante foi a arrecadação do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que tinha previsão de arrecadar R$ 351 milhões e só alcançou R$ 339 milhões.
A equipe alegou uma frustração de receita do Governo do Estado que acumula mais de R$ 500 milhões em dois anos. 
Conforme o governo, a arrecadação de ICMS, IPVA, ITCD, IRR, FPE, royalties e outras, foi fechada na receita de R$ 586 milhões contra uma despesa de mais R$ 636 milhões. Além disso, a média da folha de pagamento de 2012, de mais de R$ 273 milhões subiu para R$ 311 milhões este ano.
Fracionamento foi o termo usado para o caso pelos auxiliares da governadora Rosalba Ciarlini (DEM), mas a prática mostra que os servidores que tinham salários para receber hoje e segunda-feira só receberão no dia 10 de outubro.
De acordo com o governo, quem recebe abaixo de R$ 3 mil está com pagamento programado para segunda-feira, 30 de setembro.
O Governo do Estado estipulou algumas exceções onde todos vão receber no dia 30 independente de receber mais ou menos de R$ 3 mil. Isso beneficia servidores da educação, saúde, segurança (que envolve a Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Itep), efetivos da Uern e Defensoria Pública, além de órgãos de arrecadação própria como Detran, Ipern, Idema e Jucern.
Isso totaliza 92% do funcionalismo público. Os 8% restantes correspondem a 6.600 servidores.
No entanto, os servidores do Tribunal de Justiça, Assembleia Legislativa e Ministério Público estão fora da lista. A medida só atinge quem trabalha no Executivo.
No Twitter, Rosalba disse estar trabalhando para que a folha de pagamento seja regularizada já no mês de outubro: "Boa noite a todos. Determinei que as áreas de Planejamento, Finanças, Administração, Previdência, Controladoria e Consultoria divulgassem hoje à tarde um balanço das finanças do RN. Acreditamos, antes de mais nada, na transparência, na honestidade e na verdade para com os servidores e a sociedade potiguar. Asseguro que o pagamento será feito a todos os servidores. Segunda.Feira, dia 30, 92% terão seus salários pagos. No dia 10, todos os salários já estarão depositados. Quem me conhece sabe que nao tomaria medidas radicais, como está ocorrendo em outros estados, com extinção de secretarias e demissões. Asseguro que a minha equipe financeira e de planejamento está trabalhando intensamente para que essa situação não se repita".
O executivo estadual tem atualmente 101.265 servidores e o total da folha líquida de pagamento é de R$ 297.819.006,00.

HISTÓRIA
Essa é a primeira vez em quase 20 anos que o Governo do Estado atrasa o salário de servidores. O último governador a conviver com o problema foi José Agripino que governou o RN entre 1991 e 94.

fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Outubro e novembro serão marcados por chuva de meteoros do Cometa Halley

Brasília – Desde de ontem (25) até o próximo dia 25 de novembro, ocorrerá uma chuva de meteoros, conhecida como Oriônidas. Os fragmentos da chuva vêm do Cometa Halley, quando o planeta Terra cruza sua órbita. O fenômeno registra uma taxa típica de 20 a 25 meteoros por hora - o que pode ser visto em uma noite escura e de céu limpo.
As chuvas de meteoros não representam risco para a Terra e ocorrem em praticamente todos os meses, algumas com mais intensidade e ampla visibilidade, de acordo com o Observatório Nacional.
O ápice da Oriônidas será nos dias 21 e 22 de outubro, porém as condições de observação não serão favoráveis, pois a Lua estará na fase cheia passando à minguante. A chuva de meteoros vem da constelação de Orion, perto da estrela Betelgeuse - a estrela vermelha mais brilhante da constelação.
Segundo o Observatório Nacional, considera-se chuva de meteoros quando o planeta Terra cruza a órbita de um cometa, o que faz com que pequenos fragmentos que o corpo celeste deixa ao longo da sua órbita penetrem na atmosfera terrestre em um curto intervalo de tempo e em trajetórias quase paralelas.
Meteoros são pequenos corpos celestes que se deslocam no espaço e entram na atmosfera da Terra, queimando parcial ou totalmente devido ao atrito com a atmosfera terrestre e ao contato com o oxigênio. O fenômeno deixa um risco luminoso no céu, popularmente chamado de estrela cadente.
fonte: Agência Brasil

Leia mais...

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Uern forma mais de 600 profissionais semestralmente em todo o Estado

Presente diretamente em 17 cidades do Rio Grande do Norte, a Uern constitui-se como a instituição de ensino superior de maior capilaridade do Estado, alcançando indiretamente quase que a totalidade dos municípios potiguares. Com mais de 10 mil alunos matriculados, a Universidade forma semestralmente cerca de 660 profissionais, distribuídos em 83 diferentes cursos de graduação. São números que demonstram a importância do ensino oferecido pela instituição que esta semana completa 45 anos de história. 
"O ensino de graduação ofertado pela Uern vem se destacando pela ampliação do acesso, maior aproximação com a educação básica, construção de projetos pedagógicos de cursos mais condizentes com as necessidades da sociedade, adoção de práticas afirmativas como as quotas sociais para o PSV e a assistência a pessoas com deficiências e com necessidades especiais, ampliação dos programas de apoio à formação discente e, mais recentemente, a adesão ao Programa de Mobilidade Internacional", destaca Moêmia Gomes, titular da Pró-Reitoria de Ensino de Graduação (Proeg).
Hoje, os 83 cursos ofertados pela Uern estão distribuídos no Campus Central (Mossoró), em cinco Campi Avançados (Patu, Assú, Pau dos Ferros, Caicó e Natal) e 11 Núcleos Avançados de Educação Superior - NAES (São Miguel, Alexandria, Umarizal, Macau, Touros, Apodi, Santa Cruz, Nova Cruz, Areia Branca, Caraúbas e João Câmara). Entre as graduações de maior destaque, encontra-se o curso de Medicina, um antigo sonho da academia e da população mossoroense, concretizado a partir de projeto de lei de autoria da deputada federal Sandra Rosado.
A Faculdade de Ciências da Saúde (FACS), atrelada à graduação em Medicina (que obteve conceito 5 em avaliação realizada pelo Ministério da Educação, o máximo alcançado pelas universidades brasileiras), pretende inclusive ampliar o número de vagas oferecidas, de 26 para 40, decisão anunciada recentemente pelo reitor nomeado, Pedro Fernandes.
De acordo com a pró-reitora Moêmia Gomes, os resultados comprovam a qualidade dos cursos ofertados pela Uern. "Embora não tenhamos um mapeamento delineando os egressos por profissão, os resultados de concursos públicos, assim como a presença de profissionais de diferentes áreas nas diversas instituições públicas e privadas da sociedade, a inserção na Uern, como docente ou técnico-administrativo, evidenciam que os egressos da nossa instituição conseguem atender significativamente as demandas apresentadas pelo mercado", destaca.
Os avanços são muitos, os desafios também. De acordo com Moêmia Gomes, entre os principais obstáculos enfrentados pela Uern, está a falta de infraestrutura adequada. "Reconhecemos a existência de vários desafios, dentre eles a necessidade de melhoria da infraestrutura que dá suporte às atividades didático-pedagógicas, a ampliação dos programas formativos e de iniciação científica, uma maior articulação das ações de ensino, pesquisa e extensão e as condições necessárias para a consolidação da acessibilidade e inclusão no âmbito da Uern", relata.

Docência
Atualmente, a Uern possui aproximadamente 1,2 mil professores, sendo 375 com mestrado e 203 docentes com doutorado. "Apesar da realização de concursos públicos nos últimos anos, ampliando significativamente o quadro efetivo de docente da nossa instituição, ainda temos déficit de professores em grande parte das Unidades Acadêmicas, o que se espera amenizar com a realização dos próximos concursos públicos", afirma Moêmia Gomes.

Ofertas de cursos de graduação por município:
Mossoró: 40 cursos Pau dos Ferros: 10 Assú: 6 
Natal: 5 Patu: 4 Caicó: 3
Apodi:2 Caraúbas:2 Umarizal: 2
Nova Cruz: 2 Areia Branca: 1 Macau: 1
Touros:1 João Câmara: 1 Santa Cruz: 1
São Miguel do Gostoso: 1 Alexandria: 1

Evolução do número de ofertas de cursos nos últimos 10 anos:
2002: 46 cursos
2003: 67
2004: 77
2005: 67
2006: 75
2007: 70
2008: 71
2009: 71
2010: 76
2011: 76
2012: 80
2013: 83

Evolução do número de vagas de graduação:

2002: 1.665 vagas
2003: 2.350
2004: 2.492
2005: 2.184
2006: 2.180
2007: 2.180
2008: 2.220
2009: 2.220
2010: 2.332
2011: 2.346
2012: 2.472
2013: 2.602

fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Prefeito de Baraúna é cassado novamente


O juiz da 33ª Zona Eleitoral, Herval Sampaio Júnior, cassou o prefeito de Baraúna, Isoraes Martins, por captação ilícita de votos e abuso de poder econômico. Na segunda-feira, ele já fora cassado em outro processo pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).
Por conta da compra de votos, Isoares será imediatamente afastado do cargo, mesmo com a decisão em primeira instância, conforme prevê a legislação eleitoral. Ele só conseguirá voltar ao cargo por meio de liminar no TRE.
Amanhã, o presidente da Câmara Municipal, Tértulo Alves, conhecido como “Tertinho” (PMN), será notificado da decisão e já estará habilitado para tomar posse, porque a segunda colocada, Luciana Oliveira (PMDB), também está cassada em primeira instância e não restabeleceu os direitos políticos por meio de liminar no TRE.
O advogado de Isoares, Marcos Lanuce, anunciou que irá entrar com um recurso. Outra iniciativa é entrar com uma medida cautelar no TRE para impedir o afastamento imediato do prefeito. "O TRE tem acatado esses pedidos. Foi assim com o prefeito Luizinho, de Carnaubais", argumentou.

OUTRO
Na última segunda-feira, o TRE cassou por 4 votos a 2 o mandato de Isoraes. A decisão manteve outra sentença de Herval Sampaio. Neste caso por abuso de poder político. Isoraes estava mantido no cargo até a publicação do acórdão, a tendência era que ele já fosse afastado do cargo por se tratar de decisão de órgão colegiado.

fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Percentual de famílias endividadas tem segunda queda mensal consecutiva

Rio de Janeiro - O percentual de famílias brasileiras endividadas atingiu 61,4% em setembro, o que representa uma queda em comparação a agosto (63,1%). Houve alta, porém, em relação ao mesmo mês do ano passado, quando o índice atingiu 58,9%, de acordo com a Pesquisa Nacional de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic Nacional), divulgada ontem (25) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Os dados são apurados em todas as capitais dos estados, além do Distrito Federal, com cerca de 18 mil consumidores.
A economista da CNC Marianne Hanson informou que é a segunda queda consecutiva no percentual de famílias com dívidas. “Essa tendência recente de queda é compatível com o que a gente tem observado, tanto no mercado de crédito como nos indicadores de consumo das famílias, em especial das vendas no varejo.”
Marianne analisou que, na medida em que ocorre uma moderação no crescimento das concessões de empréstimos e das vendas de produtos atrelados ao crédito, as famílias se endividam menos. Para ela, o percentual ainda está em um patamar mais elevado em relação a setembro de 2012 porque, no primeiro semestre do ano, foi observada uma tendência de alta desse indicador. “Essa reversão é recente”.
O movimento decorre de uma cautela por parte do consumidor, destacou a economista. Nos seis primeiros meses deste ano, o volume de vendas cresceu apenas 3% em relação ao mesmo período do ano passado, acompanhado por uma expansão mais fraca do crédito, comparativamente ao ritmo que vinha sendo observado nos últimos anos. As famílias estão mais seletivas quanto à oferta de crédito, segundo Marianne. “O perfil de endividamento mudou e as famílias adotaram uma postura mais cautelosa diante de uma inflação maior e de uma incerteza em relação ao futuro e à desaceleração do mercado de trabalho”. Ela ressaltou que, por isso, nos últimos meses, as famílias reduziram o endividamento.
O mesmo fenômeno é observado em relação ao percentual de inadimplência, que alcançou 20,6% em setembro, mostrando recuo em comparação ao mês anterior (21,8%), mas elevação em relação a setembro de 2012 (19,1%).  “Seguiu a mesma tendência de queda na comparação mensal e ligeira alta na comparação anual”, disse Marianne. Ela salientou que a própria redução do endividamento favorece que a diminuição na proporção de famílias com contas em atraso.
De acordo com a economista, outro fator que contribuiu para isso foi o cenário mais positivo que começa a ser visto neste segundo semestre, apontado pela alta no indicador de confiança das famílias e pela desaceleração no ritmo de alta de preços. “Uma trégua na inflação. Isso faz com que as famílias consigam pagar suas contas em dia.”
O cartão de crédito continua liderando os principais tipos de dívida, desde o início da pesquisa, em 2010. Ele foi apontado por 73,2% das famílias, seguido do carnê, isto é, o crédito direto do lojista (18,2%) e pelo financiamento de carro (12,6%).
Uma tendência percebida também desde 2010 e que permaneceu na pesquisa de setembro é que as famílias mais endividadas são as que ganham menos de dez salários mínimos. Marianne informou que, nos últimos dois meses, foi registrada queda no percentual de famílias com dívidas, tanto na faixa de renda abaixo de dez salários quanto acima desse montante. Na comparação anual, houve alta.
“O que muda é em relação ao perfil de endividamento”, destacou a economista. No caso das famílias que ganham mais do que dez salários mínimos, os financiamentos de carro e de casa ocupam a segunda e a terceira posições, respectivamente, depois do cartão de crédito. Já para as famílias que recebem até dez salários, os principais tipos de dívida são cartão de crédito, carnês e crédito pessoal. “Esse crédito de mais longo prazo está concentrado mais para as famílias que ganham mais que dez salários mínimos”, destacou a economista.
fonte: Agência Brasil

Leia mais...

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

TRE libera deputados para trocarem de sigla

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte (TRE/RN) decidiu por unanimidade liberar os deputados estaduais Ricardo Motta e Raimundo Fernandes para mudarem de partido.
Os magistrados levaram em consideração o fato de os parlamentares terem sido liberados pelo presidente estadual do PMN, Antonio Jácome.
Tanto Ricardo quanto Raimundo Fernandes devem migrar para o PP, partido pelo qual foram eleitos para a Assembleia Legislativa nas eleições de 1998 e 2002. Depois de breve passagem pelo PSB, no início do governo Wilma de Faria, os dois foram juntos para o PMN a convite do então presidente da Assembleia Legislativa e atual vice-governador, Robinson Faria (PSD).
O filho de Ricardo Motta, vereador de Natal Rafael Motta, é o presidente estadual do PP. Ele foi o segundo vereador mais votado nas eleições do ano passado e trabalha para disputar uma vaga de deputado federal no próximo ano.

OUTROS
O TRE potiguar já havia liberado os deputados estaduais Kelps Lima, de saída do PR, e Fábio Dantas que trocou o PHS pelo PC do B. Com isso, já são quatro parlamentares liberados para mudar de partido.
Mas a lista pode aumentar. É que ainda pleiteiam troca de partido com liberação da Justiça Eleitoral os deputados estaduais Vivaldo Costa (PR), Gilson Moura (PV) e Gustavo Carvalho (PSB). Leonardo Nogueira (DEM) está cogitado para migrar para o PMDB, mas não há tempo suficiente para ele fazer a mudança com autorização judicial.

fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Nélter Queiroz defende impeachment contra governadora Rosalba Ciarlini

O deputado Nélter Queiroz (PMDB) defendeu, na sessão de ontem, a apresentação de um pedido de impeachment, termo que denomina o processo de cassação de mandato do chefe do poder Executivo. Para ele, a governadora Rosalba Ciarlini deve ser afastada do cargo por não estar atendendo às expectativas da população. "Esta casa tem que tomar as providências", disse o parlamentar que ainda sugeriu aos deputados do PMDB que não votem projetos encaminhados pelo Governo do Estado enquanto não houver negociação com categorias grevistas.
"O assunto que está nas ruas, em todos os recantos do RN, é a péssima gestão do Governo Rosalba Ciarlini. Não é de hoje que a situação da segurança, saúde, centrais do cidadão, de todos os órgãos do Governo do Estado, da falta de professores de várias escolas, em municípios do interior, está em pauta em todas as rodas de conversa. Esta Casa vem recebendo comissões de várias classes de servidores. A Assembleia tem feito o seu papel", declarou.
Durante seu pronunciamento, Nélter falou sobre uma reunião entre os servidores do Itep e a Polícia Civil com o chefe do Gabinete Civil, Carlos Augusto Rosado. Segundo o deputado, Carlos Augusto teria afirmado que dos 500 servidores do Itep, apenas 50 seriam qualificados. "Essa é a palavra do Governo do Estado, representado pelo chefe do Gabinete Civil. Ele chamou os funcionários de incompetentes. Todos tinham a esperança de negociação, a sensibilidade dos governantes. Mas o Governo acirrou os ânimos, ao invés de ser sensível, humilhou os servidores", declarou o deputado.
Os deputados Ezequiel Ferreira (PDT), Fábio Dantas (PCdoB), Gustavo Fernandes (PMDB), Márcia Maia (PSB), George Soares (PR) e Hermano Morais (PMDB) apartearam Nélter concordando com as críticas feitas ao Governo e cobrando providências com relação aos grevistas. "As categorias precisam ser escutadas pelo Governo que, lamentavelmente, trata com desdém os servidores, não só os do Itep, mas os que fazem nossa segurança. Aliás, segurança que está combalida. Onde a gente chega, em qualquer cidade, é reclamação sobre segurança. Parece que o nosso discurso não está chegando ao Governo do Estado. Nossa intenção era estar aplaudindo a administração, mas, infelizmente, não é possível", disse Ezequiel Ferreira.

Márcia votará contra dispensa de tramitação
A deputada Márcia Maia (PSB) voltou a criticar o governo do RN pela crise instalada na segurança pública e disse que na condição de líder não dispensará a tramitação de matérias do governo enquanto a situação não for resolvida. 
Na Assembleia Legislativa existe um colégio de líderes e basta um voto contrário para que a matéria não seja liberada da tramitação. "O governo humilhou os grevistas, desprezou a Polícia Militar, os agentes penitenciários e, principalmente, a população", disse. As críticas à segurança pública no Estado têm sido uma constante nos seus últimos pronunciamentos. 
A parlamentar, inclusive, chegou a promover audiência pública recentemente."Deixo o meu repúdio e reafirmo aqui que vamos continuar firmes na oposição. E enquanto o governo não sentar para negociar, não vou liberar a tramitação das matérias aqui na Casa", disse. O deputado Gustavo Carvalho (PSB) endossou as críticas da colega. "Ficaremos vigilantes no dia a dia para que o governo possa dar uma atenção muito melhor e para que se restabeleçam os serviços", disse, referindo-se aos grevistas.

fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Aids está entre principais causas de doenças incapacitantes na América Latina

Brasília – O comportamento da contaminação da aids está mudando no mundo, exigindo mais atenção e investimentos em países que há alguns anos registravam baixos índices e passaram a apresentar níveis epidêmicos. A informação faz parte do estudo O Peso do HIV: Percepções a partir do Estudo Global sobre o Peso de Doenças 2010, do Instituto de Métricas e Avaliação da Saúde (IHME, sigla em inglês), da Universidade de Washington.
Apesar da queda global generalizada nas taxas de mortalidade pela doença, entre 2006 e 2010, as mortes em decorrência da aids aumentaram em 98 países. O estudo mostra que a contaminação pelo vírus cresceu principalmente em nações que não tinham sido afetadas pela epidemia em décadas anteriores. O HIV é a principal causa do surgimento de doença em 21 países, concentrados em quatro regiões: África Oriental e Austral, África Central, Caribe e Sudeste Asiático.
De acordo com a pesquisa, em quatro dos 17 países da América Latina (Colômbia, Honduras, Panamá e Venezuela), a aids aparece como uma das dez principais causas de doenças incapacitantes e em outros sete países, está no ranking das 25 principais causas de enfermidades, como a Bolívia, o Brasil, Equador, a Guatemala, o Paraguai e Peru.
O estudo enfatiza que apesar dos progressos em políticas públicas no combate à mortalidade, a doença continua a ser uma das principais causas de perda de saúde, especialmente para pessoas com idades entre 25 e 45 anos.
A pesquisa considera como perda de saúde a relação entre os anos de vida perdidos por morte prematura e anos vividos com incapacidade por pessoas com o vírus da aids, o que permite comparações entre diferentes populações e condições de saúde.
Em 2010, 20% da perda de saúde devido ao HIV foram registrados em países onde o vírus não estava entre as dez principais causas de doenças. Em 2005, esse percentual era 15,5%. De acordo com o documento, a Venezuela está entre os países latino-americanos mais afetados pelo HIV. A doença foi responsável por 3,6% do surgimento de casos de outras enfermidades em 2010 no país.
“Houve uma redução no mundo da mortalidade por aids, que ainda é, no entanto, a principal responsável por doenças incapacitantes em 21 países – a maioria desses, africanos – mas também em locais como a Tailândia e diversos países do Caribe. Acredito que foi surpreendente ter tantos países afetados dessa forma pela aids na América Latina”, disse a pesquisadora do IHME e líder do estudo, Katrina Ortblad, à Agência Brasil.
“A principal mensagem do estudo é que o vírus HIV não desapareceu. Apesar de avanços, com esforços governamentais e mudança de comportamento da população, a aids é a quinta principal causa de doenças em todo o mundo, considerando tanto as mortes quanto os anos de incapacidade prematura”, acrescentou.
Apesar de ainda registrar taxas elevadas de contaminação, o Brasil e o México estão em uma tendência de queda acentuada, com redução da mortalidade em 45,3 % e 69,2 %, respectivamente, do ano de pico até 2010. De acordo com o instituto norte-americano, o Brasil atingiu o auge de contaminação em 1996, e o México em 1998.
“O Brasil tem feito grandes progressos no combate ao HIV, comparando com outros países latino-americanos a redução dos níveis de mortalidade é impressionante. Nós também comparamos os avanços do Brasil com os demais países do Brics, como China, Rússia e Índia”, destacou a pesquisadora.
Em 15 dos 17 países latino-americanos, a tendência é queda de mortalidade por aids. Chile e Guatemala são as exceções. Nesses países, as mortes pela doença ainda estão crescendo.
Na Argentina, embora a taxa de mortalidade tenha atingido o pico há 12 anos, a doença foi a sexta maior causa de problemas de saúde de homens e mulheres na faixa etária de 35 a 39 anos em 2010, aumento de 490% desde 1990.
Embora o estudo tenha detectado a alta de contaminação da doença em países da América Latina, ele não explica os motivos do aumento.
O estudo descreve avanços no cenário global da aids. Ao atingir o ápice mundial de contaminações em 2006, a doença está diminuindo a uma taxa média anual de 4,17%. Segundo a pesquisa, o bom resultado no combate pode ser atribuído ao financiamento global e à consciência política.
No entanto, a doença continua a ser uma ameaça à saúde na África, no Caribe e na Tailândia. O instituto estima que em 2012 ocorreram mortes em decorrência do vírus em 186 países.
A pesquisa faz parte de um projeto colaborativo de cerca de 500 pesquisadores de 50 países liderados pelo IHME, da Universidade de Washington. De acordo com o instituto, trata-se de um esforço científico sistemático para quantificar os níveis e as tendências de perda de saúde devido a doenças, ferimentos e fatores de risco.
fonte: Agência Brasil

Leia mais...

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Matrículas para aprovados do PSV para ingresso no segundo semestre encerram hoje


Começaram ontem as matrículas para estudantes aprovados no Processo Seletivo Vocacionado (PSV) semestre 2013.2 da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern). A alta procura marcou o primeiro dia de trabalho, que será retomado na manhã de hoje, 24, prazo final para matrículas dos "feras".
No Campus Central a manhã de ontem foi agitada, longas filas se formaram em frente às secretarias das faculdades e havia muita expectativa entre os "feras" da Uern. Franciele Cristina, aprovada em pedagogia, afirmou: "Estou muito feliz, esta era minha quarta tentativa no vestibular, e desta vez consegui. Identifico-me muito com o curso, e minha expectativa é ótima. Apesar de morar há pouco tempo em Mossoró, escuto que a Uern é uma boa universidade".
A diretora da Faculdade de Educação (FE), professora Maria Auxiliadora, afirmou que o curso de Pedagogia aprovou 100 novos alunos para este semestre, 60 no Campus Central e 40 no núcleo de Caraúbas. Segundo ela, deste total, 45 alunos se matricularam na manhã da segunda-feira, gerando intenso trabalho na faculdade, já que é necessário um árduo trabalho de conferência minuciosa da documentação dos aprovados.
Para a professora, o grande número de matriculados reflete o reconhecimento e a demanda pelo curso na cidade de Mossoró. "Os alunos, além de aprovados, procuram a instituição realmente para cursar, vejo isso como crédito para a Uern e para o curso também."
De acordo com a servidora técnica Bárbara Medeiros, que trabalha no Campus Avançado de Natal (CAN), as movimentações pela manhã foram grandes também. "Aqui, em Natal, começamos o dia com muitos estudantes, a maior procura por matrículas foi no curso de Direito. Estamos realizando, ao mesmo tempo, as matrículas do núcleo de Nova Cruz, o que intensifica o trabalho", afirmou a servidora. 
As matrículas para ingresso de aprovados na Uern encerram-se hoje, e os funcionários relembram que é fundamental a apresentação de todos os documentos previstos no edital e informam que a pontualidade é essencial para evitar constrangimentos e contratempos. O horário das matrículas vai das 7h às 12h no período matutino e das 19h às 21h no noturno, e encerram-se impreterivelmente hoje.


fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Justiça condena ex-prefeito de Pau dos Ferros por improbidade administrativa

O juiz Cleanto Fortunato da Silva, da 1ª Vara Cível de Pau dos Ferros, condenou o ex-prefeito Leonardo Nunes Rêgo, juntamente com mais quatro agentes públicos e uma empresa de propaganda, por prática de improbidade administrativa. O magistrado acatou os pedidos de penas previstas na Ação Civil de Improbidade Administrativa e na Ação Popular, ambas movidas pelo Ministério Público Estadual.
Na ação, o Ministério Público afirma que recebeu representação de vereadores do município de Pau dos Ferros acerca de possíveis irregularidades no processo de licitação para contratação de serviços de publicidade na prefeitura. Sendo assim, foi instaurado o Inquérito Civil nº 08/2005 para apurar os fatos.
O Ministério Público disse que o Inquérito Civil indica que a licitação foi "montada", tendo havido favorecimento da empresa Erick Wanderley Gurgel ME. Afirmou que a documentação apresentada por esta empresa foi trocada pelos membros da Comissão Permanente de Licitação na sede da prefeitura.
Os réus defenderam a inocorrência de ato de improbidade, e a empresa sustentou a inconstitucionalidade da Lei nº 8.429/92 na esfera da administração municipal e a imprestabilidade do inquérito civil para fins de prova e do art. 17, § 6º, da LIA e no mérito a inocorrência de ato de improbidade.
Para o juiz, "diante dos elementos demonstrados, ficou configurada a irregularidade no processo de licitação, demonstrado ainda o dolo genérico na conduta de todos os réus, constituído na consciência e vontade de agir ao arrepio da lei, falseando documento que instruiu o procedimento administrativo".
O magistrado considerou a gravidade da conduta provada, levando em conta inocorrência de enriquecimento ilícito no caso concreto, a inocorrência de dano ao Erário, asseverando ainda o grau de reprovabilidade da conduta. Assim, entendeu suficiente e adequada a aplicação aos réus das sanções prevista na legislação pertinente.

CONDENAÇÕES
Para os réus Antônio Jonas Gomes, Egrimaldo Alves de Queiroz, Ana Cláudia Pignatário Fernades e Francisco Matheus Ricelly Pinto de Sena, o magistrado determinou o pagamento de multa civil de cinco vezes o valor da remuneração percebida por cada um dos agentes públicos - dentro e bem abaixo do limite legal do art. 12, III, da LIA de até 100 vezes a remuneração/subsídio do agente à época - a ser corrigida nos termos da redação vigente no art. 1º-F da Lei 9494/97, a partir da publicação da sentença.
Para o réu Leonardo Nunes Rêgo, prefeito de Pau dos Ferros à época dos fatos (2005), o juiz determinou a suspensão dos direitos políticos pelo prazo de três anos; o pagamento de multa civil de cinco vezes o valor da remuneração percebida pelo réu - dentro e bem abaixo do limite legal do art. 12, III, da LIA de até 100 vezes a remuneração/subsídio do agente à época - a ser corrigida nos termos da redação vigente no art. 1º-F da Lei 9494/97, a partir da publicação da sentença.
Para o réu Erick Wanderley Gurgel - ME (Executiva Propaganda), foi determinado o pagamento de multa civil no valor de R$ 10 mil a ser corrigida nos termos da redação vigente no art. 1º-F da Lei 9494/97, a partir da publicação da sentença.
A empresa também está proibida de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, direta ou indiretamente, ainda que por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário, pelo prazo de cinco anos.

fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Cidade maranhense recebe maior número de cubanos do Mais Médicos

Chapadinha (MA) – Recém-chegados no último fim de semana, os seis médicos cubanos do Mais Médicos aproveitaram o dia para conhecer os colegas com quem irão trabalhar, os postos de saúde onde atuarão e a casa em que irão morar em Chapadinha, no interior do Maranhão. A cidade foi a que mais recebeumédicos cubanos pelo Programa Mais Médicos, no total seis.
Eles ainda aguardam o registro provisório, que será emitido pelo Conselho Regional de Medicina. A expectativa é que comecem a atender na próxima semana. 
Chapadinha tem 76 mil habitantes, segundo estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No entanto, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a cidade atende a mais 16 municípios vizinhos, totalizando 350 mil pessoas. A cidade dispõe de um hospital e 14 postos de saúde. O corpo médico atual soma 32 profissionais, que se dividem entre a atenção básica e a especializada.
Com a chegada dos cubanos, os profissionais poderão voltar-se à atenção especializada, já que os estrangeiros se ocuparão da atenção básica. "A gente vai conseguir levar para a população a assistência médica e bloquear a ida dos pacientes para o hospital por problemas que possam ser resolvidos no posto de saúde perto da casa dele", explica o secretário de Saúde, Charles Bacelar. "Temos no hospital, um grande número de internações relacionadas à atenção básica".
O dia de ontem (23) começou com uma reunião. Bacelar explicou aos médicos como e onde irão atuar. Em seguida, cada um deles conheceu a futura sala de atendimento.
O médico Juan Montero terá de dividir a sala com a enfermeira brasileira Nitheyanna dos Santos. O posto de saúde de Bairro Novo é o que está em piores condições. O teto e as paredes estão com infiltrações. Na sala de atendimento, apenas uma mesa, uma cadeira, e uma maca. A cadeira, quebrada. O local atende mil famílias. A prefeitura diz que já solicitou uma reforma.
"Aqui é mais ou menos parecido com o meu país, com o meu consultório", diz Montero. A partir da semana que vem, ele pretende acompanhar as visitas dos agentes comunitários.
"Primeiro, vamos apresentar a população para ele, para poder passar confiança. Ele está chegando agora e algumas pessoas ainda estão desconfiadas", diz Nitheyanna. Ela diz que vai ajudar o futuro colega com o português: "Os pacientes têm a linguagem deles. Chegam dizendo que estão com dor na bacia, nos quartos. Tem vezes que nem a gente entende. Temos que pedir para eles mostrarem onde é a dor".
No posto, a procura por consulta é disputada. Com apenas um médico duas vezes por semana, as consultas são todas agendadas. "Já teve até briga. Chegou um senhor procurando consulta e só tinha para o fim do mês. Ele ficou bravo e voltou com uma faca. Tivemos que conversar bastante com ele para se acalmar". O médico cubano irá trabalhar 40 horas semanais. Com isso, os pacientes serão atendidos por ordem de chegada.
Já o posto de saúde de Areal foi recentemente reformado. Juan Carlos Rojas terá uma sala só para ele. O número de pacientes, no entanto, é maior, são 4 mil famílias cadastradas. Lá, a visita à comunidade é obrigação. Um ou dois dias da agenda do médico serão dedicadas às visitas aos pacientes acamados que não têm condições de ir ao posto e às famílias, para dar orientações.

"O atendimento domiciliar é como a gente trabalha com a prevenção. É quando conhecemos a família, a área", explica a enfermeira Cleomara Caldas.
Na cidade, a maior parte das doenças pode ser evitada com a mudança de hábitos da população, de acordo com a secretaria de Saúde. No entanto, Chapadinha não tem saneamento básico adequadom, e grande parte das doenças está relacionada com a água. A Pesquisa Saneamento Básico de 2008 do IBGE mostra que 17 mil casas tem água encanada, porém nenhuma conta com tratamento de esgoto.
Após as visitas, os médicos foram encaminhados à casa onde ficarão hospedados. O local ainda está recebendo os últimos reparos. Pelas regras do Mais Médicos, o município deve arcar com a alimentação e hospedagem. A prefeitura optou por comprar os alimentos e abastecer a casa. A prefeita Maria Ducilene Cordeiro diz que estuda um valor para repassar diretamente aos profissionais, mas ainda não tem uma estimativa.
A casa tem três quartos. Um deles é ocupado por Aicza Madelaine. Dois médicos dividem um cômodo e mais três, outro. A médica diz que pode ser "complicado" conviver com cinco homens por três anos - tempo de duração do programa. Já os rapazes queixam-se do quarto compartilhado. A prefeitura informou que está preparando uma segunda casa, para melhor acomodação.
Durante a semana, os médicos devem se ocupar em conhecer a população. A orientação é que façam palestras nos postos onde irão trabalhar.
A dona de casa Maria da Silva Araújo sofre de pressão alta, por isso vai ao médico uma vez a cada três meses para pegar a receita do remédio controlado. Com a chegada dos novos médicos, espera melhora no atendimento. "Vai ser bom, os médicos daqui, maioria vem de fora, as pessoas ficam sem médico. Graças a Deus, vai ficar melhor", diz Maria, que cuida de seis netos.
fonte: Agência Brasil

Leia mais...

Resultado provisório do Censo Escolar indica 40,3 milhões de matrículas na educação básica

Brasília – O resultado preliminar do Censo Escolar de 2013 mostra que, em todo o país, 40.366.076 estudantes estão matriculados na educação básica das redes pública estadual e municipal de ensino. A informação foi publicada na edição de ontem (23) do Diário Oficial da União.
As matrículas referem-se a creche, pré-escola, ensinos fundamental e médio, educação de jovens e adultos e educação especial. Abrangem ainda as áreas urbanas e rurais e a educação em tempo parcial e integral.
No resultado preliminar, com mais de 600 páginas, estão detalhadas as matrículas de cada município do país. O número de estudantes matriculados na educação especial é 653.378, e os demais estudantes, 39.712.698.
Com a publicação dos dados preliminares, os estados e municípios têm 30 dias para retificar números que possam estar incorretos, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Após o prazo, o Inep vai divulgar o censo escolar final.
Os dados não contabilizam as matrículas das redes federal e privada de ensino.

fonte: Agência Brasil

Leia mais...

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Grevistas da Polícia Civil e Itep doam sangue durante manifestação


Grevistas da Polícia Civil e do Instituto Técnico e Científico de Polícia (Itep) doaram sangue ontem ao Hemonorte de Natal, durante manifestação organizada pelos policiais civis e servidores da segurança pública.
Policiais civis e servidores do Itep, em greve há 44 e 38 dias, respectivamente, deram uma demonstração de cidadania à sociedade potiguar, além de mais uma prova de que se preocupam com os rumos da violência e suas terríveis consequências. 
Com o tema "Mesmo em greve, continuam doando seu sangue pelo RN", os grevistas abasteceram substancialmente os estoques do Hemonorte que estavam com déficit preocupante (foram cerca de 150 doações). 
Na segunda-feira (23) eles voltam a se reunir em assembleia na sede do Sinpol para definir as próximas mobilizações.


fonte: O Mossoroense

Leia mais...

OIT: trabalho infantil no mundo é reduzido em um terço entre 2000 e 2013

Brasília - Os casos de trabalho infantil no mundo tiveram redução de um terço entre 2000 e 2013, segundo dados do estudo Medir o Progresso na Luta contra o Trabalho Infantil: Estimativas e Tendências, divulgado hoje (23) pela Organização Internacional do Trabalho (OIT). O número de crianças e adolescentes entre 5 e 17 anos trabalhando nos últimos 13 anos caiu de 246 milhões para 168 milhões.
Para a OIT, o avanço no combate ao trabalho infantil foi possível devido à intensificação de políticas públicas e da proteção social das crianças e dos adolescentes nos últimos anos, acompanhada pela adesão a convenções da organização e pela adoção de marcos legislativos sólidos no âmbito nacional. A instituição verificou que os maiores progressos na queda do uso desse tipo de mão de obra ocorreu entre 2008 e 2012.
De acordo com a OIT, essa redução, no entanto, não é suficiente para eliminar as piores formas de trabalho infantil - meta assumida pela comunidade internacional em parceria com a organização, por meio daConvenção 182. A estimativa é que mais da metade das crianças envolvidas em algum tipo de trabalho exercem atividades consideradas perigosas.
“Estamos nos movendo na direção correta, mas os progressos ainda são muito lentos. Se realmente queremos acabar com o flagelo do trabalho infantil no futuro próximo, é necessário intensificar os esforços em todos os níveis. Existem 168 milhões de boas razões para fazê-lo”, declarou o diretor-geral da OIT, Guy Ryder.
As piores formas de trabalho infantil são as consideradas perigosas - atividade ou ocupação, por crianças ou adolescentes, que tenham efeitos nocivos à segurança física ou mental, ao desenvolvimento ou à moral da pessoa. O trabalho doméstico, por exemplo, é considerado uma das piores formas. Segundo a OIT, aproximadamente 15 milhões de crianças estão envolvidas nesse tipo de atividade. Só no Brasil, são quase 260 mil.
A divulgação do estudo levou em consideração a proximidade da 3ª Conferência Global sobre Trabalho Infantil, que será realizada em Brasília, em outubro.
Regionalmente, o maior número de crianças em atividade no mercado de trabalho está na Ásia - 78 milhões, cerca de 46% do total. Proporcionalmente à população, no entanto, o Continente Africano é o que concentra o maior percentual de menores de 18 anos envolvidos nesse tipo de atividade, 21%.
Em relação ao setor em que crianças e adolescentes são encontrados trabalhando com maior frequência, a agricultura é o que tem a maior concentração, 59% dos casos (98 milhões). Os setores de serviços (54 milhões) e da indústria (12 milhões) também mostram incidência de uso de mão de obra infantil, especialmente na economia informal.
fonte: Agência Brasil

Leia mais...

Torben Grael, bicampeão olímpico e técnico da equipe brasileira de vela, analisa a modalidade em visita ao Ministério do Esporte


O secretário de Alto Rendimento do Ministério do Esporte, Ricardo Leyser, recebeu na sexta-feira (20.09) o velejador Torben Grael, bicampeão olímpico e agora técnico da equipe brasileira de vela. Eles conversaram sobre a preparação para os Jogos Olímpicos do Rio 2016 e o apoio que os atletas necessitam para competições e treinamentos durante o ciclo olímpico. Um dos apoios do governo federal será a Bolsa Atleta Pódio, que vai contemplar os iatistas mais bem colocados no ranking internacional da vela. Os demais continuarão recebendo a Bolsa-Atleta, que hoje apóia 176 velejadores de diferentes modalidades.

Outro ponto da pauta foi a estruturação da nova Confederação Brasileira de Vela (CBVela), criada há pouco tempo e ainda impossibilitada de receber recursos do ministério. Torben disse que a ideia da confederação é que os atletas de ponta aproveitem as condições oferecidas pelo Plano Brasil Medalhas para assegurar sua estrutura de treinamentos e competições, e que os recursos da Lei Agnelo/Piva sejam direcionados à base do iatismo, “para que não se mate a vela”.

Ambos conversaram também sobre a possibilidade de o Ministério do Esporte apoiar reforma e equipagem do Rio Yacht Club, de Niterói, que completa 100 anos em 2014. Entre os sócios do clube, cinco trouxeram 12 medalhas brasileiras em Jogos Olímpicos. O próprio Torben conquistou cinco, Marcelo Ferreira, três, Lars Grael, duas, Clinio de Freitas e Isabel Swan, uma cada. O secretário explicou que o clube pode apresentar projetos na chamada pública que o ministério vai abrir em breve para entidades privadas e lembrou que, por meio de convênios, o Ministério do Esporte vem conseguindo estruturar vários clubes em diversos estados.

Torben disse ao secretário Leyser que agora tem “quatro chapéus” – como presidente do Projeto Grael, comodoro do Rio Yacht Club, vice-comodoro da Associação Brasileira de Veleiros de Oceano e agora técnico da equipe brasileira de vela – e só tem a agradecer ao ministério. “O Projeto Grael, por exemplo, se vale da Lei de Incentivo ao Esporte. E nossos atletas de alto rendimento, no geral, têm a Bolsa-Atleta, que é muito importante para mantermos a geração da Fernanda Oliveira (medalhista olímpica da classe 470), da Patrícia Freitas (sétima no Mundial de RS-X) e outros velejadores."

Campeões mundiais
Em meio à conversa, o velejador recebeu um telefonema de Lucas Mesquita, que tinha acabado de se tornar campeão mundial júnior da classe Snipe com o proeiro Douglas Gomm, ambos colegas de clube dos Grael. O secretário Leyser perguntou então da equipe brasileira e Torben comentou: “Temos um time jovem muito bom e um grande campeão, o Robert Scheidt”.

Torben comentou a carreira de Jorge Zarif, de 21 anos, que recentemente foi campeão mundial de Finn (em Tallinn, na Estônia). “O Jorginho encontrou condições muito favoráveis e ganhou. Ele reconhece que ainda tem de melhorar muito, mas soube aproveitar as chances. Temos um potencial muito bom para os Jogos do Rio de Janeiro em 2016."

Por Denise Mirás
Foto: Sueli Scutti
Ascom – Ministério do Esporte

Leia mais...

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Candidatos aprovados no PSV 2013 devem efetuar matrículas nos dias 23 e 24 deste mês


Os candidatos aprovados no Processo Seletivo Vocacionado (PSV) 2013 da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), com ingresso no segundo semestre, devem efetuar suas matrículas de forma presencial na instituição nos dias 23 e 24 de setembro. A matrícula é efetuada no campus ao qual o curso está vinculado.
O candidato deve apresentar duas fotografias 3x4 (iguais e recentes), além de cópia e original da seguinte documentação: histórico escolar do ensino médio, diploma ou certificado de conclusão do ensino médio, título de eleitor, certidão de nascimento ou casamento, carteira de reservista ou certificado de alistamento militar, CPF e documento de identificação.
No Campus Central da Uern, as matrículas serão realizadas nos horários das 7h30 às 11h e das 19h às 21h, na secretaria do curso para o qual o candidato foi aprovado no PSV 2013. Conforme edital, quem não efetuar a matrícula no prazo estipulado perderá automaticamente a vaga.
Já os alunos veteranos devem efetuar as matrículas on-line entre os dias 7 e 11 de outubro, sendo a primeira fase de 7 a 9, a segunda no dia 10 e a terceira no dia 11. Somente poderá ser feita a matrícula on-line dos alunos que não possuírem pendências junto ao Sistema Integrado de Bibliotecas da Uern (SIB/Uern). Os estudantes nessa situação devem comparecer à biblioteca do Campus ou Núcleo para regularizar o cadastro.


fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Garibaldi estaria próximo de sair do Ministério da Previdência para disputar Governo do RN


O Jornal Valor Econômico cravou a saída de Garibaldi Alves Filho (PMDB) do comando do Ministério da Previdência Social.
O fato ocorreria em decorrência da saída do PSB do governo Dilma Rousseff. Conforme o periódico, o PMDB estaria interessado em ocupar os cargos em aberto e em troca estaria disposto a abrir mão de outros ministérios entre os quais o da Previdência. O alvo principal do PMDB é o Ministério da Integração Nacional.
O jornal afirma que a saída de Garibaldi da Previdência seria conveniente porque ele disputará o Governo do Estado: "A entrega da Integração ao PMDB implicaria na devolução de algum de seus ministérios. Nessa cota entraria o da Previdência Social, já que o titular, Garibaldi Filho, deve se afastar para disputar o governo do Rio Grande do Norte. Neste caso, assumiria o secretário-executivo Carlos Eduardo Gabbas, da cota petista".
O periódico ainda explica que embora o prazo de desincompatibilização de ministros e secretários para a disputa de cargos eletivos seja em março, a presidenta Dilma Rousseff quer fazer as mudanças já em dezembro.
A informação casa com as especulações de que Garibaldi seria o candidato do PMDB ao governo. O partido já anunciou o rompimento com a governadora no final de agosto e no começo da semana decidiu em reunião partidária que terá candidatura própria.
No entanto, Garibaldi tem negado sistematicamente que vá disputar o cargo. Ele chegou a ponto de pedir para que parem de pressioná-lo.
Além de Garibaldi também estão cotados para a disputa do cargo o presidente da Câmara dos Deputados, Henrique Alves, e o deputado estadual Walter Alves.
Outra hipótese não totalmente descartada é o PMDB apoiar um candidato de outro partido.

fonte: O Mossoroense

Leia mais...

Greve dos bancários fecha 6.145 agências em todo o país

Brasília – No primeiro dia da greve dos bancários, 6.145 agências e centros administrativos de bancos públicos e privados ficaram fechados nos 26 estados e no Distrito Federal, segundo balanço divulgado pela Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf). Os trabalhadores paralisaram as atividades ontem (19) por tempo indeterminado. De acordo com a Contraf, são 1.013 unidades a mais que no primeiro dia da greve no ano passado (5.132), um crescimento de 19,73%.
Os bancários reivindicam 11,93% de reajuste, equivalente à inflação dos últimos 12 meses mais 5% de ganho real, além de valorização do piso salarial, maior participação no lucro dos bancos e mais empregos. Querem também o fim da rotatividade e das terceirizações, melhores condições de saúde e trabalho, mais segurança nas agências e igualdade de oportunidades. Os bancos ofereceram reajuste de 6,1%.
“A forte paralisação mostra a indignação da categoria com a recusa dos banqueiros em atender nossas reivindicações, propondo apenas 6,1% de reajuste, enquanto seus altos executivos chegam a receber até R$ 10 milhões por ano", disse, em nota, o presidente da Contraf e coordenador do Comando Nacional dos Bancários, Carlos Cordeiro
Segundo ele, os bancos têm ampla condição financeira para atender as reivindicações dos bancários. “Não aceitamos a postura dos bancos de negar aumento real para reduzir custos”, acrescentou.
Cordeiro disse que, apesar dos lucros, os bancos estão fechando postos de trabalho e piorando as condições trabalhistas, com aumento das metas abusivas e do assédio moral. O presidente da Contraf também destacou que, por falta de investimento em segurança, tem crescido o número de assaltos, sequestros e mortes.
A Federação Nacional de Bancos (Fenaban) lamentou, por meio de nota, a posição dos sindicatos em paralisar o serviço. “A Fenaban lamenta essa posição dos sindicatos, que causa transtorno à população, e reitera que a maioria das agências e todos os canais alternativos, físicos [autoatendimento, correspondentes] e eletrônicos, vão continuar funcionando normalmente. Os bancos respeitam o direito à greve, entretanto, farão tudo que for necessário e legalmente cabível para garantir o acesso da população e funcionários aos estabelecimentos bancários.”
Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), algumas operações bancárias, como o pagamento de contas, poderão ser feitas pelos clientes por meio de opções como os caixas eletrônicos, a internet banking, o aplicativo do banco no celular, as operações bancárias por telefone e também pelos correspondentes bancários, que são casas lotéricas, agências dos Correios, redes de supermercados e outros estabelecimentos comerciais credenciados.
fonte: Agência Brasil

Leia mais...

19 Anos no AR


Rádio Vitória FM esta completando 19 anos de história. É uma vida contada e cantada. Parabéns a todos os integrantes da Associação Comunitária Vieirense.

Levino Lacerda - Presidente

  ©Rádio Vitória FM 104,9Mhz - Marcelino Vieira-RN - Todos os direitos reservados.

| Topo